quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Já falamos de pestanas... hoje, a estrela é o contorno de olhos.

Marisa Miller
Porque os papos e as olheiras nos retiram frescura. Porque ninguém gosta de se ver ao espelho com cara de quem não dormiu. Porque ninguém gosta de ouvir "estás com um ar mesmo cansado".
Desde os 21 que uso um creme específico para o contorno dos olhos. Nunca o fiz por temer as rugas, já que não tenho tendência para os famosos pés de galinha thanks, Mom!, que peles mistas ou oleosas mais depressa perdem tenacidade e firmeza que se tornam enrugadas. Além disso, os genes afro que fizeram com que a minha bisavó tivesse pele de 60 aos 110 também estão cá dentro. Uso-o porque reduz os papinhos que são, afinal, as minhas pálpebras. E porque depois de me terem acabado com as olheiras crónicas, tenho medo de deixar de usar e ficar tipo panda. Vá e porque gosto da sensação de conforto, da maneira como a pele recebe a maquilhagem e a fixa durante mais tempo.

Estou sempre a chatear as minhas amigas branquinhas para terem cuidado com o contorno ocular, já que dificilmente conseguirão reparar o problema quando surgir - mais vale preveni-lo. E acredito que com a minha idade não é cedo para começar. Este post é consequência de uma conversa de café com uma bff horrorizada com as suas olheiras que ela vê melhor que eu e que o resto do mundo, mas okay. Decidi deixar-vos algumas dicas de produtos indicados para dar cabo de tudo o que possa roubar o brilho do vosso olhar.

Primeiro: o creminho!
Óbvio que o meu preferido é aquele que figura no topo desta lista. Já vos falei do All About Eyes várias vezes, com toda a certeza. Reduziu papos, acabou com olheiras e tem uma textura em gel muito agradável. Deixa uma sensação de conforto que não sinto com outro produto do género. A relação qualidade/preço é perfeita, porque uma embalagem chega para quase um ano de utilização diária.
Este meu predilecto tem um irmão mais hidratante, para quem tiver a pele mais seca ou irritada, o All About Eyes Rich. Mais informações sobre o assunto aqui.
Desta gama faz também parte o sérum, em formato rollerball, com que podemos massajar esta zona tão delicada e minimizar os efeitos do cansaço ou de uma crise alérgica ou de choro cof, cof

Mais cremes de olhos Clinique aqui, que a Menina gosta mesmo é de falar do que conhece.

Se forem pessoas apaixonadas pela Sephora como eu, o nome dr. Brandt ser-vos-á familiar. Esta marca tem uma linha de produtos específica para as olheiras, a dark circles away. Também na Sephora, o recentemente lançado it's potent!, cuja embalagem fofa dá vontade de comprar só para enfeitar o quarto de banho...

Se estiverem dispostas a fazer um investimento um pouco maior, a Dior tem o Hydra Life Crème Sorbet Yeux Pro-Jeunesse e a La Mer o The Eye Balm Intense.

E porque à noite também existimos, a Estée Lauder promete cuidar bem dos nossos olhinhos enquanto dormimos, com o Advanced Night Repair Eye Synchronized Complex. A diferença sente-se imediatamente.

Segundo: o corrector!
Porque o que é adequado para a pele do rosto não tem que ser perfeito para esta zona mais sensível, não aplico base. Só corrector. E gosto muito deste, porque faz pendant com o meu creme e assim ajuda à sua acção.

No entanto, a Estée Lauder tem o Idéalist Cooling Eye Illuminator, com que já tive contacto e de que gostei imenso porque durou até à noite, intacto - até rimei. Além de ser maquilhagem, também promete tratar e é isto que nós queremos! No mesmo registo, mas com o selo da Maison Dior é o Diorskin Nude - Anti-cerne perfecteur hydratant. Da M.A.C., quero falar-vos de um primer que não só ilumina e prepara a zona para a sombra de olhos, como também combate o congestionamento, as rugas e as olheiras. Podem conhecê-lo aqui.
No entanto, a estrela dos correctores chama-se Touche Éclat e é YSL. Experimentei. Amei. Ilumina. Mas não me parece um produto mais que maquilhagem, entendem?

Terceiro: a aplicação!
1 - Com jeitinho, muita calma nessa hora que o contorno dos olhos não pede esticões. A ideia não é esfregar as pálpebras, por isso, convém aplicar tanto o creme como o corrector com cuidado. Por norma, faço pintinhas de produto ao longo das pálpebras e espalho dando pancadinhas com o anelar.

2 - Além disso, a minha mãe sempre me disse que não vale a pena exagerar na dose, porque a pele só absorve aquilo de que precisa. Sejam poupadinhas, que os resultados não são melhores nem mais rápidos só porque se aplica uma grande quantidade de creme...

3 - Se já tiverem linhas de expressão bem marcadas nessa zona, evitem os pós, porque ele fará com que elas sobressaiam.

Quarto: dicas caseiras!
1 - Sabiam que o óleo de amêndoas doces é um grande remédio para acabar com as olheiras? Basta aplicar um bocadinho na zona escura e massajar.

2 - Dizem que a ultimamente tão falada aqui no blog água de rosas também ajuda ao descongestionamento, se massajarmos essa zona com um algodão embebido.

3 - Olhos vermelhos e cansados, pálpebras inchadas, cansaço provocado por demasiado computador e noites mal dormidas podem ser resolvidos com fatias finas de pepino. Mas esta já é bem velha, certo?

4 - Os cremes destinados ao contorno dos olhos podem ser aplicados no contorno dos lábios, sabiam? Meninas fumadoras, aproveitem a dica!

Sabiam que até existem sites dedicados a este problema? Um deles é o olheiras.org. Amazing, hum?

Então? Útil ou nem por isso? Digam de vossa justiça.

7 comentários:

Maria disse...

Muito útil menina lamparina :) alguns já conhecia (os da clinique, o touche éclat), outros já tinha ouvido falar (estee lauder) e eu, à tua semelhança, conto com os genes da minha mãe que tem 60 anos e pouquissimas rugas! :) beijinho**

Filipa disse...

All About Eyes sempre...desde que experimentei tornou-se insusbstítuivel...tenho uma colecção dos frasquinhos, não sei bem porquê...acho que nunca os vou utilizar(já usei para levar hidratante e creme de noite para uma viagem, dado o tamanho da embalagem) mas dá imensa pena deitar fora!Corrector é que ainda nunca experimentei...

Beijinho,

Filipa

www.welc-home.blogspot.com

Miss Pink disse...

Adorei o post Ana..Eu tenho sempre olheiras e é uma luta constante tentar dar cabo delas. Eu uso um creme da Guerlain de contorno de olhos e quando o acabar não volto a usar. Os resultados que promete, deixa muito a desejar. Vou experimentar esse primer da MAC de que falaste..hoje vou já a loja, ou não fosse eu uma MAC addict =)

Beijinhos

menina lamparina disse...

Ainda bem que foi útil, Maria! :) Os genes são o melhor anti-rugas do mundo eheheheheh :D
Beijinho*

Filipa, eu também sou addicted to All About Eyes e... também tenho esse problema! Custa-me horrores deitar o frasquinho fora, são tão bonitinhos, tão pequeninos, tão mimosos ahahahahahah :D
O corrector vale a pena, é fácil de aplicar por ser aveludado. Gosto imenso.
Beijinho*

Miss Pink, esse primer só experimentei quando me maquilharam numa perfumaria, não o tenho... Depois conta como correu. :)
Beijinho*

Filipa disse...

Confesso que com este post fiquei um pouco mais tentada a experimentar as maravilhas do corrector. Ontem~, então, depois de uma demonstração fantástica de maquilhagem, em especial, do corrector, pelo Ricardo (um artista, é o que vos digo!) da Dior do Corte Inglés lá me rendi e...adorei! Estou com o SkinFlash, que foi o que o Ricardo aplicou e me ensinou a aplicar - e logo vi o efeito. Para me aventurar em outros vai ser dificil mas até agora (contando ontem e hoje, portanto), estou satisfeita :)
Realmente, ilumina.

Obrigada pelo esclarecimento!

beijinho,

Filipa

www.welc-home.blogspot.com

menina lamparina disse...

Acho que mais importante do que tapar ou esconder, é iluminar. Se o produto reflectir luz, confere um aspecto mais saudável e natural...

Essa experiência deve ter sido bem gira. Sabes, sempre tive receios quanto a ser maquilhada por outras pessoas. É que as experiências que tive nunca foram grande coisa e acabei sempre com cores nas pálpebras que nada tinham a ver comigo ou com os meus gostos.
No entanto, há algumas semanas fui maquilhada por um make up artist da Guerlain e adorei. Há sempre um truque novo para aprender ou um produto para conhecer.
Tanto quanto sei, o SkinFlash é assim super completo - é em caneta, certo?

Nada para agradecer!! Beijinho*

Filipa disse...

Acho que o importante nas sessões de maquilhagem é dizermos mesmo o propósito (maquilhagem para o dia-a-dia, rápida, para uma saída à noite,...) e ir percebendo o que "nos vão fazer", assim dá para ir controlando e perceber se tem a ver connosco. Mas lá está, também concordo que aprendemos sempre novos truques úteis.
Certíssimo, é em caneta, até agora estou a adorar:)

Beijinho