segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Chamam-lhe review. Aqui no lamparina é "Já experimentei, querem que vos conte?"

Doutzen Kroes
Lembram-se daquele post? É que se não se lembrarem não percebem nada deste. Já recebi os meus produtinhos em casa. E já os experimentei, ora pois! A Miss Pink queria saber tudo, por isso, aqui está a minha opinião sobre o prémio:

O shampoo não era novidade para mim, já que é o que tenho vindo a usar desde que vocês me impingiram o caramelo. Os meus shampoos são sempre L'Oréal Professionnel e nunca me desiludiram. A relação qualidade/preço agrada-me, porque na verdade pago oito a dez euros por um produto que além de durar mais de um mês, ao contrário do que acontece com os que já adquiri em supermercados, não deixa de surtir o efeito inicial sabem do que estou a falar, certo? Às vezes parece que o cabelo se habitua a determinados produtos e o resultado deixa de ser magnífico. Argh. Com os shampoos L'Oréal, o resultado é sempre o mesmo: sinto que quase não preciso de amaciador ou de máscara, porque logo após a lavagem já sinto o cabelo muito suave. Não exagero na dose porque o shampoo é bastante concentrado e faço duas passagens. Deixo actuar um bocadinho porque gosto de curtir o cheirinho bom enquanto sinto a água quentinha, que nesta altura do ano ninguém quer saber da celulite e dos jactos de água gélida.

O amaciador, ou tratamento, como a L'Oréal lhe chama, foi uma surpresa. Tenho um bocadinho de aversão a amaciadores porque eu gosto mesmo é de nutrição intensa, de sentir que o produto me alimenta a cabeleira à séria. Amaciador pomos na roupa. Para amaciar. Não para nutrir. Contudo, este vale a pena. Muito fluído, podemos aplicá-lo sem medo de depois sentir falta da máscara. Depois de massajar os comprimentos, desembaracei o cabelo com os dedos, o que para esta juba selvagem é um marco histórico! Deixei actuar uns minutinhos e não resisti a experimentar também a máscara, só nas pontas.

Nunca a tinha utilizado, porque só olho para os produtinhos amarelos e tenho um bégan por eles. No entanto, esta não me desiludiu. O aroma a frutos vermelhos e a textura mais a atirar para o gel que para o creme deixaram-me rendida. Uma pequena quantidade fez maravilhas, porque decidi deixar o cabelo secar ao natural e fiquei parva. Devido ao mau tempo, não me pareceu necessário perder tempo com o brushing, já que ia ficar com dores nos bracinhos para depois a chuva e a humidade estragarem tudo... pelo que depois de estar seco, horas depois, pulverizei-o com o shine spray da Orofluido, escovei-o e apanhei-o num coque. No dia seguinte, o cabelo estava quase igual ao que é habitual depois do secador e da escova. Acho que vou adoptar esta técnica ao longo do Inverno. Depois, quando quiser aprimorar o look para algum evento, basta passar o babyliss ou o curling iron e plim!
Com esta gama, parece ser possível, porque o meu cabelo ficou com um cair diferente, sem frizz, carapinhas levantadas nem aspecto baço. Está macio, com um toque formidável e brilhante. Aprovadíssimo.

6 comentários:

Miss Pink disse...

Bem, estou fascinada, vou comprar essa linha e experimentar. Eu confio em ti =) Aquele post da água das rosas?! Pois é, já tnh =D ehehe Agr veêm o shampôo e a máscara..hj vou comprar ;) Beijinho Ana! És super querida, não te esqueceste do que pedi =)***

Hélia disse...

Olá Ana,

Gostei do post...Por acaso já tinha dado conta que o cabelo quando está bem hidratado, parece que nao é tão facilmente afectado pelo "mau tempo". Ou seja nao completamente tresloucado...

Beijinhos

Ao Virar da Esquina disse...

Acho muito boa ideia fazeres um post sobre os produtos que experimentas. É das coisas que mais gosto de ler nos blogs. Espero por mais post destes teus!

menina lamparina disse...

Oi Miss Pink!
Obrigada* Claro que não me esqueci, só que ainda não tinha experimentado... :)
Espero que te dês tão bem como eu com esta linha, mas não te esqueças de que o meu cabelo é MESMO seco.
Beijinho*
P.S.: Água de rosas é que bomba!! :D

É verdade, Hélia, eu noto isso com a minha juba e também reparo que quanto mais stressada estou, mais irritante ela fica. Tipo incontrolável.
Ainda bem que gostaste do post*
Beijinho*

Okay, Su, vou ter isso em conta. Agora vão ter que gramar com as minhas opiniões. :D
Beijinho*

M.I. disse...

sei tão bem o que é o cabelo habituar-se ao raio dos champoos. volta e meia dou-lhe miminhos com kerastase mas ele teimoso insiste em resistir-lhe passado umas lavagens.
talvez experimente esta sugestão para ver se resulta ;)

menina lamparina disse...

A juba que me protege do frio no couro cabeludo habitua-se a tudo. Só gosta mesmo da L'Oréal e da Wella. Faz um brilharete com eles. E não se dá nada bem com a Kérastase, fica tipo pastilha elástica. A minha cabeleireira não acreditava até experimentar e ter que lavar novamente... weird.

Se tiveres o cabelo pintado, pode ser que tenhas bons resultados com esta gama. :D

Beijinhos*