terça-feira, 4 de outubro de 2011

detesto...

Nicole Richie
...gajas que saem à noite vestidas como quando vão para a faculdade ou dar uma corrida, de ténis e rabo de cavalo a emoldurar a cara lavada que nunca viu mais que um risquinho preto em dias de casamento na aldeia, mas que olham para outra gaja com desdém, só porque está arranjada e não tem medo de ser mulher. Saia e make-up são conceitos estranhos para elas, que não se coíbem de manifestar a sua insegurança invejosa através de olhares cúmplices com as outras tristes e cochichos com ar de troça. A dor de cotovelo é uma coisa muito feia, meninas. Aproveitem para aprender qualquer coisa. Hum?

5 comentários:

Miss Pink disse...

Isso é coisa que eu tb reparo qd saio à noite. Eu gosto de me arranjar e sentir-me bonita comigo própria..e nota que as meninas desmazeladas olham-me com aquele olhar raio-x.. Se for preciso até criticam a maneira como estás vestida com as amigas, quando percebem ZERO de "como se vestir".

Gostei do post! beijinho

Ao Virar da Esquina disse...

Como concordo ctg! Ter uma boa apresentação é vestir de acordo com as circunstâncias. Tal como não vou correr de saltos altos e vestido, também não vou sair á noite de fato de treino e afins.
E depois também não é preciso parecer uma montra de acessórios, ou um manequim maquilhado. Apenas o suficiente para dar aquele pequeno toque, fazer a diferença.
Isso faz parte da essência de ser mulher (ou saber ser).

Su

menina lamparina disse...

Miss Pink, é mesmo isso. Não percebem nada de nada, para elas a vogue é uma palavra francesa e roupa é para cobrir o corpo e ponto final... e ainda têm a lata de achar que podem dar pareceres sobre quem não só gosta como até se cultiva nesse aspecto. Tipo... Duh!

Invejosas. Queriam era também saber ser mulheres, como diz a Su.

É claro que se elas comentassem uma fulana que vá tomar um cafezinho à tarde de vestido de lantejoulas vermelho e um par de louboutins txaram, o caso era diferente, porque estaríamos a falar de uma pessoa completamente descontextualizada, chamativa, whatever. Not my case. "Apenas o suficiente para dar aquele pequeno toque, fazer a diferença". Tudo dito.

Beijinhos*

Maria disse...

Txxxi, acabaste de descrever o que eu sinto!! pior é quando chegam ao pé de mim e perguntam: como é que consegueste andar com esses sapatos?! 'não sei como tens paciencia para te aaranjar tanto!' (ainda que segundos atrás tenham dito que estava 'gira'...) Eu tb não percebo como n fazem o mínimo esforço para se sentirem bonitas! e não me venham com historias!! toda a gente gosta de ser elogiada e estar bonita :-) bjo**

menina lamparina disse...

Eu admito que certas mulheres se sintam bem sem o mínimo de produção... só gostava mesmo que fizessem o mesmo que eu: não criticar quem não faz o mesmo que eu.

É tão simples...!

Bah.

Beijinho*