sexta-feira, 27 de setembro de 2013

aqueles dias em que fazemos o que nos apetece, sabem?

Olivia Palermo
Depois daqueles impulsos de voracidade, tive que ceder. E depois de ceder, decidi não ficar com remorsos. Tirei o dia para me mimar, para fazer o que me apetece só porque sim, pelo que além de lanchar no McDonald's, fui comprar mais um par de sapatos para a colecção; um básico, como eu gosto. Básico também era o vestido preto que decidi experimentar e que contrastava tanto com a minha cor de cabelo estival que decidi deixá-lo na loja e ir buscá-lo noutra altura. Foi nesse momento que me apercebi de que o Outono tinha realmente chegado. Estava na hora de tratar da coloração e de me ver livre daquele tom amarelo-seara-de-trigo. Sim, há quem faça californianas (ou ombré, as you wish) de propósito. Sim, há quem pague por isso. Sim, pode ficar muito giro, mas eu só gosto desse aspecto multicolor quando acontece sem querer ou quando é muitíssimo bem executado por um técnico de coloração, ou seja, quase nunca, que é como quem diz: quando o Sol decide abrir a cor das madeixas por si, apenas nos comprimentos. Aí, eu aceito. Sujeito-me, conformo-me, vivo bem com isso e até acho piada. Mas só porque esse toque de luz no cabelo cheira a praia, mar, areia no corpo e sal na pele. Assim que a minha época balnear chega ao fim, sinto que as nuances louras dão lugar a um banho amarelo-baço nas pontas. É como se a juba se alimentasse da constante presença de luz solar para se manter brilhante e bonita. Ontem chegou-me o Outono e com ele, a minha cor castanha. O cabelão ficou com aquele aspecto polido e cuidado que esta época do ano requer. Muito melhor, portanto. E a acompanhá-lo no seu estado chic, abandonei o meu verniz laranja fluo para abraçar o Dior Marilyn, um encarnado quente e sofisticado que evito usar no Verão. Venha daí esse Outono. Só não quero perder o bronze nem calçar botas. Ah e a chuva também pode limitar-se a cair sobre os terrenos agrícolas e sobre as florestas. Venha daí esse Outono, então!

3 comentários:

Sophia B. disse...

Adorei os sapatos! Posso saber de onde são?

Ana Catarina disse...

Venha daí o Outono! desde que chova enquanto estou por casa, sobretudo na cama a dormir não fico triste! :p
beijinho*

S disse...

Venha ele! Mas com o mínimo de chuva possivel por favor :)
Bj S