terça-feira, 24 de julho de 2012

Vinte e sete.

Menina Lamparina
Dizer obrigada é pouco. Apesar de todas as dores, tropeços, mágoas, feridas e cicatrizes com que o último ano me marcou a pele, estive viva. Eu e os meus. E para lá das lágrimas, sinto-me satisfeita com tudo o que fui fazendo. O meu 26º ano de vida foi intenso e doloroso, mas repleto de experiências maravilhosas. Aprendi muito - sobre mim, sobre os outros. E até agora, não falhei nenhum dos objectivos a que me propus. 
Dizer obrigada é pouco. Apesar de ter vivido pesadelos reais, não deixei de me sentir forte nas fraquezas, abraçada no pranto e embalada todas as noites.
Dizer obrigada é pouco. Tenho um tecto, um quarto, uma cama. Uma mesa sempre pronta, uma família que não me desampara, um namorado único e os amigos à distância de um telefonema. E saúde.
Não chega agradecer quando temos um futuro lindo que se desenha perante o nosso olhar expectante. 
Obrigada também por estarem aqui a ler-me, a fazerem-me companhia todos os dias, a fazerem das nossas conversas um verdadeiro vício.
Quanto a mim, desejo-me um próximo ano cheio de sorrisos, paz e novidades daquelas que nos fazem sentir no topo do Mundo! 

5 comentários:

Joa disse...

Gosto de ti! Obrigada =)

Imperatriz Sissi disse...

Luminosos parabéns. E que este ano tenha coisas brilhantes para festejar! Beijinhos.

Check out Fashion disse...

Dizer obrigada faz bem ;)

http://checkout-fashion.blogspot.com/

amiga da onça disse...

És uma lutadora. Tudo de bom para ti, gostei do teu blog.

Dama das Camélias disse...

Adorei o teu texto :) senti que as tuas palavras poderiam ser minhas, nada melhor do que agradecer o presente e o futuro com saúde um tecto e uma mesa.

Aproveito para te dar os parabéns embora atrasados... eu também fiz ontem (31).
Gostei muito do teu blog e vou ficar por aqui :D

beijinhos