quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Vício.

Elisa Sednaoui
Ele trouxe a Playstation cá para casa, a pedido da Mana Lamparina. Trouxe jogos. Jogos de carros. E eu, mulher séria, me confesso: não posso ter um comando nas mãos e brutais máquinas para conduzir no écran da tv. Morro. Transpiro. As mãos suam. Não falo. E fico viciadona num instante. Nem sou muito de jogos - não alinho em cartadas, suecas nem peixinhos. Não gosto de competir. Mas recordo com saudade os tempos da secundária em que, apesar de betas no meio de malta da pesada, nos metíamos numa dessas casas de jogos de shopping, só para gastar moedas nas máquinas. E jogávamos com volante e pedais. E quando dava por ela, já a aula ia a meio... Sou assim, coladona em corridas de carros, desde que me conheço. E em Sims, pronto. Mas agora ando a flipar com o Grand Turismo do menino. E ganho BUÉ!

2 comentários:

Eli disse...

Eu também não sou muito de jogos, mas adoro esse tipo de jogos de carros. Por isso percebo-te bem! :D

menina lamparina disse...

LOL Muito melhor agora... Não ser a única é tão bom... :D